quinta-feira, 17 de março de 2011

Enoque & A Civilização Maya





Até ontem eu tinha dúvidas sobre o calendário maia e 2012, mas elas foram esmigalhadas por um segredo que descobri sobre Enoque, o patriarca bíblico associado a Metatron.

Ele reuniu pessoas ao redor dele e ensinou-lhes sobre Deus. Um aviso foi enviado para todo lugar, anunciando que quem quisesse conhecer os caminhos secretos de Deus e obter com isto, uma boa vida, deveria vir a Chanoch (Enoque) para receber a instrução. Famintas pela verdade, os povos ansiosamente reuniram ao redor dele e ele ensinou-lhes a sabedoria superior de Deus. Assim, o povo serviu a Deus durante toda a vida de Chanoch. Governantes, príncipes e juízes, todos vieram para ouvi-lo. Ele era amado e respeitado tanto que, três centenas de governantes o proclamaram rei sobre eles. Com persuasão, ele foi capaz de estabelecer relações pacíficas entre todos esses governantes. Ele reinou por 243 anos orientando todas os povos nos caminhos de Deus.

O Seder Hadorot (O Livro das Gerações) diz que Enoque foi o primeiro a escrever um livro sobre astronomia. No Livro de Enoque pseudepigrapha, uma compilação de livros detalhando as experiências, as profecias e os ensinamentos de Enoque, existe um livro intitulado Os cursos dos luminares celestiais. Isto está escrito do capítulo 72 a 82 do Livro de Enoque, e eles são dedicados a descrever a mudança dos tempos, os movimentos do sol ao longo do ano solar, o crescente e minguante da Lua através do mês e do ano lunar.

Os antigos gregos identificaram Enoque com Hermes Trismegisto. Até então, eu possuía a desconfiança de que Imhoteph (Hermes Trismegisto) poderia ter sido Moisés. Agora eu sei a verdade. Os gregos escreveram que Enoque ensinou os filhos dos homens a arte de construir cidades, o conhecimento do Zodíaco, e o curso dos planetas. Também encontramos associação de Enoque com a astronomia e aritmética no Sefer Yuhasin. No Livro dos Jubileus (Sefer Há´Yovelim), Enoque foi o inventor da arte de escrever. Isto também está de acordo com a tradição maçônica. A correlação destas realizações de Enoque e do significado do termo Maya em diferentes culturas é imediatamente evidenciado, e certamente não é uma coincidência.

Foi Enoque, o qual os egípcios chamaram de Saurith, quem construiu a Grande Pirâmide utilizando a sabedoria superior.

Este artigo ainda será expandido e trará a revelação de maravilhosos segredos que elucidarão suas dúvidas sobre a Civilização Maia. Na verdade, suas dúvidas encontrarão o mesmo destino das minhas: A desintegração total...



כג וַיְהִי, כָּל-יְמֵי חֲנוֹךְ, חָמֵשׁ וְשִׁשִּׁים שָׁנָה, וּשְׁלֹשׁ מֵאוֹת שָׁנָה.  כד וַיִּתְהַלֵּךְ חֲנוֹךְ, אֶת-הָאֱלֹהִים; וְאֵינֶנּוּ, כִּי-לָקַח אֹתוֹ אֱלֹהִים

"E foram todos os dias de Enoch trezentos e sessenta e cinco anos. E andou Enoch com os "Elokim" e desapareceu, porque os "Elokim" os tomaram (Gênesis 5: 23 & 24)".


No centro, na posição vertical de cima para baixo temos "Luach Maia (Calendário Maia)" e ao lado direito está "Enoque", codificados no capítulo 5 do Gênesis.

4 comentários:

  1. É admiravel ver a mente aberta que tem Rabi !

    adorei o novo post.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado Marcel! Este poste será expandido. O assunto tem cerca de dez páginas, e eu o estou traduzindo e fazendo os acréscimos explicativos necessários. Logo publico aqui. Shalom

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  4. Gostaria de indicar a nova edição do Livro de Enoque em língua portuguesa, a primeira edição crítica, traduzida da obra Pseudepígrafos do Antigo Testamento publicada pelo Professor James H. Charlesworth, de Princeton.

    https://www.facebook.com/livrodeenoque

    ResponderExcluir